A Bolsa do Dinheiro

Criado por Narrador
Money purse - Wallet

Numa noite de tempestade, um peregrino cansado de muitos quilómetros feitos a pé e sempre a ser fustigado pelo vento frio, estava imensamente cansado.
O nevoeiro intenso só permitia ver uns palmos à frente do nariz. Olhava para todos os lados para ver se via alguma luz na noite.
Sentiu enorme alegria ao avistar uma luz que vinha de uma casa. Encaminhou-se para lá e bateu à porta.

— Sou um peregrino e só lhes pedia um pouco de comida para não morrer de fome. Tinha batido à porta de um convento. Deram-lhe comida e também alojamento.
No dia seguinte, quando amanheceu e quis continuar o seu peregrinar, os frades deram-lhe ainda uma bolsa com algum dinheiro.
No dia seguinte, o peregrino foi bater à porta do mesmo convento e disse:

— Quando estive convosco, percebi que sois muito felizes. Entrego-vos o dinheiro que me destes e mais algum que arranjei. Mas, por favor, dai-me o segredo da vossa alegria.

Com o dinheiro podem comprar-se muitas coisas mais ou menos valiosas. Até se podem comprar pessoas, mas não se podem comprar certas coisas muito importantes como são a paz de consciência, os amigos, a felicidade.

Comentários