A janela

Criado por Narrador
janela-desenhos-dos-utentes-pintado-por-mina-menin-1032664

Um homem desesperava do amor de Deus. Um dia, enquanto vagueava pelas colinas que rodeavam a cidade, encontrou um pastor. Este, vendo-o aflito, perguntou-lhe.

— Por que é que andas assim tão perturbado, amigo?

— Sinto-me imensamente só.

— Também eu ando só, mas não estou triste.

— Talvez porque Deus te faz companhia!

— Adivinhaste.

— Eu, pelo contrário, não tenho a companhia de Deus. Não consigo acreditar no seu amor. Como é possível que ame os homens um por um? Como é possível que me ame a mim?

O pastor perguntou-lhe:

— Vês lá longe a cidade? Vês as casas? Vês as janelas das casas?

— Sim, vejo tudo isso.

— Digo-te que não deves desesperar. O sol é um só, mas todas as janelas da cidade, mesmo as mais pequenas, todos os dias são beijadas pelo sol ao longo do dia.

O amor de Deus não conhece fronteiras nem faz distinção de pessoas. Ele a todos nos envolve com o seu carinho e ternura, como a luz e o calor do sol enche a terra inteira. O importante é cada qual abrir-lhe a porta ou a janela.

Comentários