A Tartaruga

Criado por Narrador
tartaruga

Um dia, uma tartaruga foi convidada por uma prima, que vivia fora da cidade, para que a fosse visitar. A tartaruga aceitou o convite e pôs-se a caminho.
A distância não era muita, cerca de um quilómetro.
Por isso, começou a viagem ao nascer do sol. Pensou: «Com o meu passo constante, antes do meio-dia chegarei a tempo de almoçar com a minha prima».
Partiu a cantarolar. Caminhou, caminhou… Era meio-dia e a tartaruga tinha percorrido apenas poucas centenas de metros.
Quando ouviu o relógio da torre a bater as doze badaladas, resmungou:
— Que estúpido relógio! Eu saí de casa há tão pouco tempo e já é meio-dia! Estes relógios andam todos malucos.
Caminhou, caminhou… O sol começou a pôr-se, as estrelas despontaram no céu e a tartaruga ainda não ia a meio caminho. Irritada, começou a protestar.
— O mundo já não é como antigamente. O sol pôs-se cedo, as estrelas brilham fora de horas e os dias já não têm 24 horas.
Resmungando, lá retomou o seu andar.

É verdade que o mundo já não é como antigamente. As mudanças em todos os campos são rápidas e profundas. Não se pode hoje andar a passo de tartaruga. E urgente fazer um esforço por ir acompanhando a marcha da história.

Comentários

como desenhar um casal de namorados passo a passo,como desenhar um casal de namorados,como desenhar um casal passo a passo,como desenhar a raposa de 9 caudas