A teia de aranha

Criado por Narrador
aranha-na-teia-circular_91-6589

Uma vez, uma psicóloga quis fazer uma experiência. Na sala de visitas de sua casa, colocou uma grande teia de aranha. Qualquer pessoa que entrasse, inevitavelmente tinha que a ver. Ela observaria, discretamente, o que diziam.

Entraram durante a semana pessoas desconhecidas.

A psicóloga foi escutando. Eis algumas das expressões que ouviu dessas pessoas:

— Esta mulher deve ser muito distraída. Não vê como fica mal aqui esta teia de arranha.

— Deve ser muito desorganizada. Permite aqui esta teia de aranha.

— Já era tempo de tirar daqui esta teia de aranha. Mete nojo!

Pelo contrário, as pessoas suas amigas, ao verem a teia de aranha, diziam.

— No fundo, até fica bem. Dá um certo ar de modernidade.

— Vou ver se consigo arranjar uma teia de aranha igual para a minha casa.

— Gosto muito. Até acho que, se fossem duas, ficaria melhor.

A psicóloga concluiu que as pessoas vêem os amigos de forma positiva. Até chamam virtudes aos seus defeitos.

É muito difícil acabar com um preconceito. Vemos as pessoas a partir de lentes especiais, umas para quem nos é simpático e outras para quem nos é antipático. Por que será que não nos tornamos mais objectivos?

Comentários

fabulas pequenas e desconhecidas,fabula a teia de aranha