A última andorinha

Criado por Narrador
00_001_andorinhas

Era o momento das andorinhas regressarem através dos mares para as suas terras. Mas uma delas chegou tarde. Que fazer? Decidiu empreender viagem, sozinha. O sol brilhava com força.

Depois de várias horas de voo, faltou-lhe o ânimo e começou a ficar esgotada. Decidiu então deixar-se cair nas águas e morrer.

Nesse momento, viu outra andorinha que voava junto às águas do mar na sua mesma direcção. Animou-se e fez um novo esforço, retomando o voo.

Cada vez que se sentia cansada, olhava para a sua fiel companheira que voava mais abaixo, junto às águas azuis do mar e seguia em frente.

Foi assim que percorreu dezenas de quilómetros sem se deixar desanimar.

Quando chegou a noite, a andorinha amiga desapareceu. Porém, a meta estava próxima e teve ainda forças para continuar. Felizmente, chegou ao fim com vida.

Ao interrogar-se para saber onde estaria a sua amiga da viagem, descobriu que essa companheira era apenas a sua própria sombra projectada no mar.

A presença de alguém ao nosso lado é sempre estímulo que nos ajuda a enfrentar o cansaço ou o desânimo. Felizes as pessoas que, nos momentos difíceis, sentem a presença de alguém que lhes dá fortaleza e ânimo.

Comentários