As Estrelas do Mar

Criado por Narrador
ac3b79264f63986ef1dbfb13068f231f

Um poeta foi para a praia à procura de inspiração para escrever um novo livro.
Numa dessas caminhadas viu ao longe um jovem que se abaixava e apanhava alguma coisa na areia, que depois atirava ao mar.
No dia seguinte, observou novamente o jovem a repetir a mesma cena. Apanhava algo que depois arremessava para a água do mar. Foi ter com ele e perguntou-lhe:

— Que fazes, meu jovem?

Ele respondeu:

— Estou a atirar estrelas do mar para a água, para elas não morrerem na praia.

O poeta voltou a perguntar:

— Mas por que é que fazes isso, se são tantas as estrelas do mar que vêm dar à costa ainda vivas?

O jovem respondeu:

— São muitas, é verdade. Mas pelo menos consigo salvar algumas,
A partir desse dia, também o poeta se juntou ao jovem para salvar as estrelas do mar.

Há quem fique parado a lamentar o mal no mundo e justifique a sua inércia. Contudo, sem a nossa gota de água, o mar ficaria mais pobre. Mesmo que fazendo pouco, podemos desencadear um processo de mudança.

Comentários

fabulas de monteiro lobato