Histórias




folha-verde-8614582 A Folha Orgulhosa

Era uma vez uma folha que não se dava bem com as suas companheiras. Era mesmo muito egoísta e orgulhosa. Julgava-se a mais importante de todas. E sonhava em deixar as companheiras e ir passear pelo mundo. Uma manhã em que fazia muito vento, as folhas agarravam-se umas às outras para não se separarem da árvore. Mas a folha orgulhosa aproveitou a ocasião para

Ver mais…


Jorinde_und_Joringel_by_Gold_Seven Jorinda e Joringel

Uma velha bruxa, de quem todos tinham muito medo, e que vivia num velho castelo situado no meio de um bosque muito denso. Podia transformar-se num gato ou numa coruja e recuperar o seu aspecto normal quando lhe apetecia. Ninguém conseguia aproximar-se do seu castelo sem ficar paralisado por um feitiço. Numa pequena povoação perto do terrível castelo, vivia a rapariga mais bonita de

Ver mais…


la-liebre-y-la-tortuga A Lebre e a Tartaruga

“Apostemos, disse à lebre A tartaruga matreira, Que eu chego primeiro ao alvo Do que tu, que és tão ligeira!” Dado o sinal da partida, Estando as duas a par, A tartaruga começa Lentamente a caminhar. A lebre, tendo vergonha De correr diante dela, Tratando uma tal vitória De pêta ou de bagatela, Deita-se, e dorme o seu pouco; Ergue-se, e põe-se a observar

Ver mais…


desenho-dora-a-aventureira-fada-vestido-botas-mochila-estrela-mapa-colorido-dibujos-ideia-criativa (1) PÉ DE MOLECA

Um salto e nada Dois saltos e um passo Num compasso impaciente Uma dança meio torta Uma boneca quase sem corda Um salto e plaft Um nariz escarlate Olhinhos desconfiados Saem desconcertados Levando consigo Pezinhos descalços


lave_as_maos Uiiiiii, que mãos tão sujas!

Eu conheço duas mãos, a Manela e a Marta; elas são duas irmãs que andam sempre juntinhas e que se ajudam muito uma à outra! Não passam uma sem a outra! Quando é preciso martelar um prego, a Manela segura no martelo e a Marta, no prego; quando é preciso lavar a cabeça, as duas esfregam muito bem o cabelo para este ficar cheiroso;

Ver mais…


raposa-500px A Raposa sem rabo

Uma ladina Raposa Caiu em certa armadilha, (Que sempre as tece o Diabo!) E foi grande maravilha Ficar apenas sem rabo: Com tal perda envergonhada, De a coonestar busca a ideia; E as sócias vendo uma vez Juntas em grande assembleia, Lhes disse muito cortês: – Sabei que os cães destes sítios, – Que há dias tenho encontrado – Por esta campina toda, –

Ver mais…


guilherme_tell Guilherme Tell

Há muitos anos, antes de ser um país livre e soberano, a Suíça era governada por um regente autoritário chamado Gessler. Todos tinham medo dele, porque quem desobedecesse às suas ordens era impiedosamente castigado. A única pessoa que não o temia era o bravo caçador das montanhas de nome Guilherme Tell, respeitado pelos seus conterrâneos por ser, além de homem de bem, um exímio

Ver mais…


lion A ambição

Era uma vez, um proprietário de terras muito ambicioso. Queria ser cada vez mais rico. Uma noite, apareceu-lhe uma personagem misteriosa que lhe disse: — Vou satisfazer o teu desejo de possuir cada vez mais propriedades. São teus os territórios que conseguires percorrer na caminhada ao longo de um dia. Mas com uma condição: tens de estar de volta e no ponto de partida

Ver mais…


O AROMA O Aroma

Uma filha, muito desanimada, contava à mãe as suas desgraças. Tudo lhe corria mal: no trabalho, na família, nos negócios. Depois de a ouvir atentamente, a sua mãe convidou-a a acompanhá-la à cozinha. Aí deu-lhe uma cenoura, um ovo e alguns grãos de café e disse-lhe: — Põe tudo isto a ferver durante alguns minutos. A filha obedeceu. No final, perguntou qual o significado de

Ver mais…


bananas_animated_1-620x349 As bananas

Um viajante resolveu passar algumas semanas num mosteiro do Nepal. Certa tarde, entrou num dos muitos templos do mosteiro e encontrou um monge sorridente, sentado junto do altar. Perguntou ao monge: — Por que é que está a sorrir? O monge abriu uma bolsa que trazia consigo e disse: — Porque descobri o significado das bananas. O viajante, admirado, perguntou: — Não estou a

Ver mais…