Contos Infantis




644px-Astronomer.svg O Astrónomo

Era uma vez um astrónomo, apaixonado pela observação dos astros. Sonhava descobrir alguma estrela ou cometa. Dar-lhe-ia o seu nome e ficaria na história da astronomia. Saía de casa todas as noites com o seu telescópio a fim de observar os astros do firmamento. Um dia, quando vagueava pelos arrabaldes da cidade de cabeça erguida e olhos fitos no céu estrelado, por descuido, caiu

Ver mais…


8aaf4df7283dd296c59fdb47fc2033fa O companheiro misterioso

O Rolando vivia na cidade, no meio de muitas casas e muros altos. Quase não havia nada para ver, em matéria de pássaros, animais, florestas e prados. Mas, naquele verão, o rapazinho de sete anos, devia ir, pela primeira vez, passar as férias com o tio. O tio Max e a tia Gilda, viviam numa região de colinas e florestas, entre as muitas encostas,

Ver mais…


natal MEMÓRIAS DE UM NATAL PASSADO

MEMÓRIAS DE UM NATAL PASSADO Quando era criança, na noite de Natal, eu e o meu irmão partia-mos nozes e avelãs no chão de cimento da cozinha, à luz do candeeiro, enquanto a minha mãe se ocupava das coisas que as mães fazem. Depois, quando o meu pai chegava, jantava-mos como sempre e seguia-se, propriamente, a cerimónia de Natal. Naquela noite o meu pai

Ver mais…


de-kinderen-spelen-kubus-14009479 O castelo em ruínas

O Carlos limpou as lágrimas que lhe corriam pela cara abaixo. “Ela fez de propósito.” murmurou, “estou contente de lhe ter batido.” Ele tinha um ar sombrio ao sentar-se na cadeira, onde devia ficar, segundo as ordens da mãe, tanto tempo quanto fosse necessário, até se sentir arrependido de ter tratado a irmã tão mal. Ainda há alguns instantes o Carlos estava tão contente!

Ver mais…


ranas Os sapos

Um dia, os sapos decidiram utilizar o fim-de-semana para se juntarem e fazerem uma competição. Também eles tinham direito a divertir-se, como fazem as pessoas. Como os desportos radicais estavam na moda, resolveram subir até ao cimo da torre mais alta da cidade. Chegados ao dia, começou a competição. Ei-los todos atarefados para ver qual deles conseguia subir até ao cimo da torre. A

Ver mais…


princesas.. A princesa Dos Sapatos Vermelhos

Um rei que tinha três filhas, todas elas muito bonitas. Dormiam juntas no mesmo quarto e com as camas umas ao lado das outras. O rei, que era muito desconfiado, fechava sempre a porta à chave, quando se iam deitar. Mas uma manhã, quando voltou a abri-la, descobriu com espanto que as solas dos sapatos da sua filha mais velha estavam gastas. Passado algum

Ver mais…


buque-de-flor-18_47182 O ramo de flores

A velhinha, de rosto sereno e tranquilo, desde que morrera o seu marido, passou a viver numa residência para idosos. Não tinha nenhum parente com quem pudesse viver. As pessoas constatavam que, na época do Natal, aquela mulher recebia sempre uma encomenda e um ramo de flores. Abria-a com alegria diante das colegas e dizia sempre estas palavras: — Estais a ver? Ele mais

Ver mais…


00_001_andorinhas A última andorinha

Era o momento das andorinhas regressarem através dos mares para as suas terras. Mas uma delas chegou tarde. Que fazer? Decidiu empreender viagem, sozinha. O sol brilhava com força. Depois de várias horas de voo, faltou-lhe o ânimo e começou a ficar esgotada. Decidiu então deixar-se cair nas águas e morrer. Nesse momento, viu outra andorinha que voava junto às águas do mar na

Ver mais…


chapeu de palha Chapéu de Palha

Havia um chapéu de palha muito bonito, que era muito amigo do seu dono – o Teófilo. Num certo dia, lá por alturas da Primavera, Teófilo resolveu ir jogar à bola com os seus amigos, num terreno que havia lá no bairro, perto de sua casa. Teófilo vestiu o seu bonito equipamento de jogador de futebol, oferecido pela sua tia Elisa, no dia do

Ver mais…


burro O Burro do Azeiteiro

Dois estudantes encontraram numa estrada um azeiteiro que levava pela rédea um burro carregado de bilhas de azeite. E repararam que o azeiteiro batia, sem dó nem piedade, com o chicote no pobre burro. Este, provavelmente porque já vinha de muito longe, ia cansado, subindo a encosta a custo e ao ritmo das chicotadas do dono. – Deve ser já muito velho, ou então,

Ver mais…