Contos Infantis




As Esferinhas

Era uma vez, oito esferinhas alinhadas no espaço. Cada uma tinha um tamanho e uma cor diferente. Algumas eram quentes, outras geladas, algumas eram enormes e outras bem pequenas. Cada esferinha tinha um nome e, embora todas fossem redondinhas, não se pareciam umas com as outras. Elas nunca paravam no espaço, estavam sempre em movimento. Elas eram encobertas por um lençol branco, que mais

Ver mais…


A Trudi e o bolo de abóbora

“Trudi, Trudi!” chamou a Dona Bela. “Sim, mãe, estou aqui”, soou a resposta vinda da sala de estar. “Trudi, esta noite ainda tenho de dar um salto a casa da senhora Hintermann. Ela ainda não se pode levantar. Vou levar-lhe uma sopa quente. Não te faz diferença ficares um bocadinho sozinha em casa, não é verdade? Não me vou demorar. “Claro que não, mãe,”

Ver mais…


Os Tijolos

Uma noite, veio inesperadamente uma tempestade que levou uma das casas da aldeia. Essa família ficou sem nada. Toda a gente lamentava o acontecido e uma família vizinha acolheu-os em casa. Naquela noite, um dos habitantes não conseguia dormir, pensando na forma de ajudar essa família. Teve então uma ideia. Levantou-se rapidamente e, como era pobre, apenas levou quatro tijolos da sua casa. Aproveitando

Ver mais…


A Paz Do Pescador

Um homem rico. numa manhã de sol, foi passear junto à praia. Viu um pescador que, depois de ter vendido todo o seu peixe, se recostou tranquilamente junto do seu barco. Calmamente, contemplava o mar e fumava o seu charuto. O rico aproximou-se dele e perguntou-lhe: — Por que não sais de novo a pescar? — Porque já pesquei hoje o suficiente. — Mas

Ver mais…


As penas que não se queriam deixar apanhar

O Marcos era um rapazinho curioso. Sempre que a mãe lhe dizia que não mexesse nisto ou naquilo, era exactamente isso que o atraia imediatamente. Ia sempre mexer onde menos devia. Certo dia, viu uma caixa no quarto da mãe. “O que é que há lá dentro?” perguntou à mãe. “Não mexas! Mostrar-te-ei assim que tiver ocasião”, foi a resposta. Então, mais uma vez,

Ver mais…


O Urso Mário

Numa pequena casa no cimo de um monte, um pouco afastada da aldeia, vivia uma família de ursos. Era constituída por Ursão, o pai-urso, Ursolina, a mãe-ursa, e por três ursinhos chamados Úrsula, Úrsica e Ursino. Certo dia, os papás-ursos souberam que ia haver um concurso de dança para ursos na cidade mais próxima. Ursão e Ursolina não queriam faltar, pois eram uns dançarinos

Ver mais…


O Sal e a Agua

Um rei tinha três filhas; perguntou a cada uma delas, por sua vez, qual era a mais sua amiga? A mais velha respondeu: – Quero mais a meu pai do que à luz do Sol. Respondeu a do meio: – Gosto mais do meu pai do que de mim mesmo. A mais moça respondeu: – Quero-te tanto como a comida quer o sal. O

Ver mais…


Como o gato e o rato tornaram-se inimigos

O gato era amigo de um rato peludo. … e partilhavam tudo: da comida ao abrigo. O que um pedia, o outro fazia de dia ou de noite, com a mesma empatia. Para exaltarem a amizade cada um pôs para si um apelido parecido: O gato chamou-se Gato e o rato chamou-se Rato. É só tirar o G e o R, que logo se

Ver mais…


A Sentença

Um criminoso foi levado à barra do tribunal e, depois de um prolongado julgamento, foi condenado a dez anos de prisão. Procurando manter-se calmo, ouviu de pé a proclamação da sentença. Depois de concluída, disse: — O Senhor doutor juiz dá-me licença para dizer uma palavra? O juiz, surpreendido, disse que sim. Então. O criminoso disse: — Perdoo ao senhor doutor juiz, porque fundamentou

Ver mais…


Uma Menina Sonhadora

Numa cidade do interior do rio grande do norte havia uma menina chamada claudiana. Claudiana tem muitos sonhos um deles é ser cardiologista mais sua mãe todos os dias diz para ela que é dificilíssimo mesmo asim ela sonha em fazer medicina claudiana tem 15 anos estudiosa ela fala para a mamãe que nunca vai desistir ela é uma menina especial muito alegre vive

Ver mais…