O Barqueiro

Criado por Narrador
69cb590431680950800907bbc4b6717c

Era uma vez um barqueiro que se ocupava todos os dias a transportar pessoas de uma margem do rio para
outra.
O rio era largo e com algumas dificuldades. Correntes, remoinhos perigosas e rochas no fundo.
Um dia, teve um cliente muito especial. Era um senhor de ares altivos de intelectual, desses que sabem
tudo.
Enquanto o barco deslizava suavemente, o sábio perguntou ao barqueiro:

— Quais são as suas habilitações literárias? Que conhecimentos tem acerca de economia, de direito, de
literatura, de informática?

O barqueiro respondeu:

— Não sei. Nunca frequentei nenhuma universidade. A um certo momento, houve um acidente e o barco estava para ser engolido pelas águas. Nesse momento, o barqueiro gritou:

— O senhor sabe nadar?

— Não. Não sei nadar.

— Para que lhe serve tanta ciência, se não sabe nadar?

De que serve ao homem ter muitos conhecimentos, conhecer todo o mundo, possuir uma grande fortuna, se desconhece o essencial? O essencial é a sua vocação a buscar Deus e nele encontrar a paz e a felicidade.

Comentários