O concurso

Criado por Narrador
conta_historia

Uma vez, fez-se um concurso na escola infantil para ver quem era a criança mais carinhosa.

Apresentaram-se muitas concorrentes.

Uma delas, diante do júri, disse:

— Eu ajudei um velhinho a atravessar a rua.

Uma outra contou:

Todos os dias, ao chegar da escola, dou um beijo à minha mãe.

Uma outra relatou:

— Um dia, o meu irmãozinho feriu-se e eu fiz-lhe o curativo.

Uma outra criança contou:

— Dei una esmola a um pobrezinho.

O júri achou que todas foram carinhosas. Mas a que foi premiada foi um menino de quatro anos, cujo vizinho era um idoso que perdera recentemente a esposa.

A criança, ao ver o homem a chorar, entrou no quintal dele, subiu-lhe ao colo e ficou ali sentada.

Quando a mãe lhe perguntou o que dissera ao vizinho, respondeu:

— Nada, só o ajudei a chorar.

O apostolo Paulo recomendava aos cristãos do seu tempo que chorassem com os que choram. Quando nos encontramos perante o mistério do sofrimento que faz brotar lágrimas, a solidariedade passa por chorar com quem chora.

 

Comentários

significado da tatuagem chora agora ri depois,histórias de solidariedade