como abrir um hotel no the sims 2

Você está a ver contos para meninos , contos para meninos e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa como abrir um hotel no the sims 2. Encontre as melhores soluções de histórias para ler. cidade que começa com D,historia infantil sobre fome,Porta 2011 mp3xd



images (1) O Desconhecido

Uma vez, um criminoso acabado de sair da prisão, vagueava pelas ruas à procura de abrigo. Foi bater à porta de um albergue mas não lhe abriram a porta, dizendo que já não havia lugar. Cheio de fome e de frio, foi deitar-se na soleira da porta de uma casa. Mas veio o dono e atiçou-lhe o cão. Entretanto, fez-se noite. Vendo uma grande

Ver mais…


janela-desenhos-dos-utentes-pintado-por-mina-menin-1032664 A janela

Um homem desesperava do amor de Deus. Um dia, enquanto vagueava pelas colinas que rodeavam a cidade, encontrou um pastor. Este, vendo-o aflito, perguntou-lhe. — Por que é que andas assim tão perturbado, amigo? — Sinto-me imensamente só. — Também eu ando só, mas não estou triste. — Talvez porque Deus te faz companhia! — Adivinhaste. — Eu, pelo contrário, não tenho a companhia

Ver mais…


Egresado Os diplomas

Os papás-animais do bosque decidiram abrir uma escola para os seus pequenos. Puseram um anúncio que dizia. «Precisam-se de professores. Só se aceitam admissões de quem tiver os respectivos diplomas». Diante do júri, apareceu o canário, que disse: – Desejo ser o professor de canto. – Sabe cantar? – Sei muito bem. Canto desde o dia cm que nasci. E começou a cantar uma

Ver mais…


el-lobo-y-las-siete-cabritas-hermanos-grimm-visiticas.com_ Os Sete Cabritinhos

Era uma vez uma cabra, que morava com seus sete cabritinhos em uma linda casinha com quintal e jardim. Naquela manhã, estavam todos assistindo televisão antes de mamãe sair para o mercado, fazer compras: A notícia de última hora dizia: – Cuidado: há um lobo mau solto por aí. Foi visto pela última vez fugindo para perto do rio. Todos estamos trabalhando para caçá-lo,

Ver mais…


maos-atadas._dt As Mãos Atadas

Bateram à sua porta e ele foi abrir. Ficou surpreendido por uns desconhecidos que o agarraram e lhe amarraram as mãos. Em seguida, disseram-lhe: — Assim estás muito melhor porque assim não poderás fazer nada de mal. Partiram e deixaram um guarda à porta para que ninguém viesse desatá-las. A princípio, o homem, desesperado, tentou por todos os meios libertar-se mas era impossível. Os

Ver mais…


fada-mundial A Historia da Menina Curiosa

Era uma vez um lenhador, que ao passar viu uma cobra a tentar engolir uma galinha. Então, pegando num grande pau, deu uma paulada na cobra. Para seu grande espanto a galinha, depois de salva, transformou-se numa bela fada, e a cobra numa feia ratazana sem pelo. A fada disse-lhe que ia ter uma filha muito bonita, esperta e inteligente. E a ratazana acrescentou:

Ver mais…


passaro verde El-Rei Pássaro Verde

Era uma vez um homem que tinha uma filha e que casou com uma mulher que também tinha uma filha. A madrasta tratava a enteada muito mal. Um dia a menina viu vir um passarinho verde muito bonito, o passarinho falou e disse-lhe: – Arranja-me uma bacia de água, outra de leite e um laço de fita e fugiu. Ela assim fez e o

Ver mais…


janela e montanha A Janela e a Montanha

A janela abria para a frente, para fora, para o ar lavado da montanha. Quem dormisse naquele quarto, ao saltar da cama, de manhã, abria a janela de dois batentes como se estivesse a respirar fundo. Enchia os pulmões de ar e os olhos de claridade. Era o primeiro exercício de ginástica. Podia ficar por aqui, de cotovelos sobre o parapeito, a apreciar a

Ver mais…


princess A Princesa e a ervilha

Era uma vez um príncipe que queria casar com uma princesa — mas tinha de ser uma princesa verdadeira. Por isso, foi viajar pelo mundo fora para encontrar uma, mas havia sempre qualquer coisa que não estava certa. Viu muitas princesas, mas nunca tinha a certeza de serem genuínas havia sempre qualquer coisa, isto ou aquilo, que não parecia estar como devia ser. Por

Ver mais…


Barba-azul O Barba Azul

Um homem muito rico e poderoso que vivia sozinho num grande palácio. Chamavam-lhe Barba Azul porque tinha uma longa e estranha barba azul-escura. Por causa disso, o seu aspecto era sombrio e todos tinham medo dele. Um dia, o Barba Azul foi visitar uma senhora que vivia próximo do seu palácio e pediu em casamento a sua filha mais nova, que era uma jovem

Ver mais…