fabula sapo e escorpiao

Você está a ver historias infantis , fabulas e contos e / ou outros itens relacionados com sua pesquisa fabula sapo e escorpiao. Encontre as melhores soluções relacionadas com histórias infantis.



10749676-el-rey-rana-sobre-un-fondo-blanco O Príncipe Sapo

Era uma vez um rei que não tinha filhos e tinha muita paixão por isso, e a mulher disse que Deus lhe desse um filho mesmo que fosse um sapo. Houve de ter um filhinho como um sapo; depois botaram as folhas a ver se havia quem o queria criar, mas ninguém se animava a vir. O rei, vendo que o sopito do filho

Ver mais…


ranas Os sapos

Um dia, os sapos decidiram utilizar o fim-de-semana para se juntarem e fazerem uma competição. Também eles tinham direito a divertir-se, como fazem as pessoas. Como os desportos radicais estavam na moda, resolveram subir até ao cimo da torre mais alta da cidade. Chegados ao dia, começou a competição. Ei-los todos atarefados para ver qual deles conseguia subir até ao cimo da torre. A

Ver mais…


bruxa O Menino Sem Olhos

Uma mãe teve dois filhos. Eles foram pedir esmola, que não tinham nada. Ela deu-lhes um farnel e perguntou-lhes se queriam ambos comer da mesma vasilha ou levar cada um o seu farnel. O mais velho disse que era melhor cada um levar o seu farnel. Assim foi, no caminho o irmão mais novo perguntou ao irmão se era melhor comerem cada um do

Ver mais…


fada-mundial As Fadas

Era uma vez uma viúva que tinha duas filhas. A mais velha parecia-se tanto com ela, no humor e de rosto, que quem a via, olhava para a própria mãe. Mãe e filha eram tão desagradáveis e orgulhosas que ninguém as suportava. A filha mais nova, que era o retrato do pai, pela doçura e pela educação, era, ainda por cima, a mais linda

Ver mais…


familia feliz A Família Feliz

A maior folha verde que temos neste país é com certeza a folha da bardana. Uma menina podia usá-la como avental; se a pusesse na cabeça quando chovia, faria de guarda-chuva — é tão grande como isso. Nenhuma bardana cresce sozinha; não, onde há uma, há sempre muitas outras. São um lindo espetáculo — e todo esse esplendor costumava ser a comida dos caracóis.

Ver mais…


musicos bremen Os Musicos de Bremem

Era uma vez um burro que durante muitos anos tinha trabalhado para um moleiro, transportando pesados sacos de grão. Mas agora já estava velho e sem força. O seu patrão, pensando que o burro já não sevia para nada, nunca mais lhe deu de comer. O burro que não queria morrer à fome resolveu fugir. “Vor para Bremen, a cidade dos músicos!”, pensou. “Já

Ver mais…


La rana que quizo ser grande como el buey A Rã e o Touro

Uma tarde, andava um grande Touro passeando ao longo da água, e vendo-o a Rã tão grande, tocada de inveja, começou a comer, e a inchar-se com vento, e perguntava às outras rãs se era já tão grande como parecia? Responderam elas: Não!!! Pensa a Rã segunda vez, e põe mais força por inchar; e aborrecida por faltar muito para se igualar o Touro

Ver mais…


janela-desenhos-dos-utentes-pintado-por-mina-menin-1032664 A janela

Um homem desesperava do amor de Deus. Um dia, enquanto vagueava pelas colinas que rodeavam a cidade, encontrou um pastor. Este, vendo-o aflito, perguntou-lhe. — Por que é que andas assim tão perturbado, amigo? — Sinto-me imensamente só. — Também eu ando só, mas não estou triste. — Talvez porque Deus te faz companhia! — Adivinhaste. — Eu, pelo contrário, não tenho a companhia

Ver mais…


crianca diferente De criança diferente a adulto consciente

Nasci e quando comecei a crescer, mamãe descobriu que havia algo diferente em mim. Os sons iam ficando cada vez mais distante e os médicos diziam que um dia eu não poderia mais ouvir o canto dos pássaros, o latido do cachorro, a música e nem mesmo a voz da mamãe. Fui crescendo como toda criança e um dia minha mãe me ensinou que

Ver mais…


images (1) O Desconhecido

Uma vez, um criminoso acabado de sair da prisão, vagueava pelas ruas à procura de abrigo. Foi bater à porta de um albergue mas não lhe abriram a porta, dizendo que já não havia lugar. Cheio de fome e de frio, foi deitar-se na soleira da porta de uma casa. Mas veio o dono e atiçou-lhe o cão. Entretanto, fez-se noite. Vendo uma grande

Ver mais…