Warning: Missing argument 2 for wpdb::prepare(), called in /home/historia/public_html/wp-content/plugins/fast-wordpress-search/fwp-search.php on line 419 and defined in /home/historia/public_html/wp-includes/wp-db.php on line 1154

imagenes sobre como cuidar el agua

Você está a ver contos e histórias , contos e histórias e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa imagenes sobre como cuidar el agua. Encontre as melhores soluções de histórias para ler.



BingoPS-PSD A escolha

Um homem sentia-se continuamente oprimido pelas dificuldades da vida. Foi lamentar-se com um mestre espiritual e disse-lhe: — Não posso mais! Esta vida é-me insuportável! O mestre pegou então numa mão-cheia de cinzas e deixou-as cair num copo de água límpida que tinha sobre a mesa, dizendo: — Estes são os teus sofrimentos. Toda a água ficou turva e suja. O mestre entornou-a. Em

Ver mais…


esponja A Esponja

No tempo em que até as coisas mais simples falavam, uma esponja e um seixo duro encontraram-se precisamente dentro de um balde de água. A esponja, porque é esponja, começou a beber, a beber cada vez mais água até ficar toda ensopada e cheia de água. Estava mesmo satisfeita. O seixo, que alguém colocara no fundo do balde, não se sabe bem porquê, mantinha-se

Ver mais…


OS FRUTOS Os Frutos

Uma vez, uma mulher viu na floresta, junto a umas árvores, um pequenino lago ou espelho de água. Olhou para dentro e viu belos frutos maduros que pareciam dizer-lhe: «Tomai-me e comei-me!» Estendeu o braço e mergulhou a mão na água para os colher mas desapareceram. Depois a água voltava a ficar límpida e apareciam de novo os saborosos frutos. E a mulher foi

Ver mais…


cao-com-um-osso-animais-caes-pintado-por-laila-1018985 O Cão e o Osso

Uma vez um cão roubou um osso a um carniceiro. Depois fugiu pela rua abaixo a toda a velocidade, atravessou a aldeia e as colinas, e foi ter a uma ponte de madeira sobre um regato. Parou em cima dela, ofegante, para olhar a água limpa e mansa. E deu um pulo de espanto. A olhar para ele, debaixo da água, estava outro cão.

Ver mais…


gota A gota de água

Quando a terra ainda não estava completa o hidrogénio sobrevoava sobre aquele caos, procurando alguma coisa. O Senhor perguntou-lhe: — Que procuras? Ele respondeu: — Senhor, tenho uma grande sede, mas não encontro sequer uma gota de água neste imenso deserto! O Senhor disse-lhe: — Podes encontrá-la, mas com uma condição: que tu desapareças completamente naquilo que encontrares. Continua a procurar… Passado pouco tempo,

Ver mais…


enchente A inundação

Um rio ficou muito satisfeito quando viu as suas águas aumentarem, alagarem as plantações e invadirem as casas. Ele tornou-se o senhor poderoso e terrível daquele lugar. Era temido e respeitado por toda a gente. Considerava-se orgulhosamente o dono e senhor da cidade. Mas, um dia, a enchente acabou. A natureza ordenou que o rio voltasse imediatamente ao seu leito. Travou-se então no íntimo

Ver mais…


Arco-íris_de_luz_EG Sobre o arco-íris

Era uma vez uma menina chamada Luz. Era branquinha e especial como realmente luz, era sensível e amada como claramente um anjo. Luz era sempre acompanhada de sua cachorrinha: Marie. E viviam as duas sempre brincando no campo , correndo de um lado para o outro no pôr do Sol , sem rumo ! A vida era vista como um mar de rosas para

Ver mais…


70903_snezhinka_sneg_goluboe_beloe_1600x1200_(www.GdeFon.ru) O Floco De Neve

Uma vez, um pássaro perguntou a uma pomba amiga quanto pesava um floco de neve. A pomba respondeu: — Nada. Não pesa mesmo nada. Por que me perguntas isso? O pássaro respondeu-lhe: — É que ando a pensar no que vi há pouco tempo. A pomba perguntou: — Que foi? Foi então que o pássaro contou o seguinte: — Estava eu pousado num ramo

Ver mais…


5fc81cf30ef8d66202f36efb5416eb93 A flor, o cato e a abelha – história infantil cristã

Certa vez, na praça de uma pequena cidade, nasceu uma flor. Ela era linda, delicada e perfumava todo o ambiente. Porém, na correria do dia-a-dia, ninguém parava para prestar atenção nela. Na verdade, a flor, que ali nascera por engano, meio que sem querer, sentia-se muito solitária. Não demorou muito para ela perceber o efeito de tanto abandono. Sem água e sem cuidados, suas

Ver mais…


As duas rãs As Duas Rãs

O Verão tinha sido tão quente naquele ano, que as lagoas e os ribeiros secaram todos. Tudo se mirrava esbraseado pelo sol e não havia humidade em parte alguma. Aflitas com a grande seca, não podendo viver assim, duas rãs decidiram ir à procura de qualquer sítio húmido ou de um charcozinho. E depois de muito andarem e de apanharem muito sol, deram com

Ver mais…