Warning: Missing argument 2 for wpdb::prepare(), called in /home/historia/public_html/wp-content/plugins/fast-wordpress-search/fwp-search.php on line 419 and defined in /home/historia/public_html/wp-includes/wp-db.php on line 1154

jogos de culinaria da sara novos 2014

Você está a ver contos e fábulas para meninos , contos e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa jogos de culinaria da sara novos 2014. Encontre as melhores soluções de histórias para ler.



garotas-brincando Diário: Uma nova amizade

Era uma vez, uma menina chamada Isa. Todos os dias, ao acordar ia à janela respirar ar puro, “nada melhor do que respirar numa manhã tão linda como esta” – dizia sorridente. – Isa! Vem tomar o pequeno-almoço!- dizia a mãe apressada,pois tinha de ir logo de manhãzinha à padaria, buscar pão quentinho e fresquinho. Quando a Isa, terminou o pequeno-almoço, foi buscar a

Ver mais…


Hello Kitty

A Hello Kitty adora viajar, ouvir música, ler, saborear cookies deliciosos que a sua irmã Mimmy faz, e acima de tudo, fazer novos amigos. Como ela sempre diz, “amigos nunca são demais”. Para imprimir e colorir, clica nas imagens…


dilenia-bolo-assado-no-prato O Bolo

Um cristão e um ateu encontraram-se à mesma mesa do restaurante. A conversa passou da meteorologia para o futebol, e parou na religião. O ateu afirmava categoricamente: — Eu não acredito em coisas que não entendo. Vós, os cristãos, respondeis frequentemente às nossas per- guntas acerca de Deus e da religião, dizendo que e um mistério, que não se pode compreender. Eu só aceito

Ver mais…


poor girl O Menino Pobre

Era uma vez, há muitos anos, um menino muito pobre que frequentava a igreja, levando sempre uma roupa muito remendada e uns sapatos gastos. Certo dia, um homem sem fé, que o via passar todos os domingos diante de sua casa, quis brincar com ele. Quando regressava da igreja, perguntou-lhe: — Olha lá, menino, tu acreditas mesmo em Deus? A criança respondeu: — Sim,

Ver mais…


gorjus001 Esconder

Um dia, os deuses decidiram criar o homem e a mulher à sua imagem e semelhança. Porém, um deles disse: – Se vamos criá-los à nossa imagem e semelhança, irão ser iguais a nós. E então estaremos a criar novos deuses. Devemos tirar-lhe algo. Decidiram então que lhes iriam tirar a felicidade. Mas o problema era onde esconde-la para que nunca a encontrassem. E

Ver mais…


Os sapatos Os Sapatos

Era uma vez um jovem que saiu de casa calçando uns sapatos novos que tinha comprado na véspera. Quando os experimentou pareceram-lhe bons, mas agora sentia que eram demasiado apertados. Passadas algumas dezenas de metros, os pés começaram-lhe a doer. Começou então a queixar-se aos amigos dizendo. — Que desgraça! Só me faltava mais esta! Não posso mais! Enquanto conversava no passeio com um

Ver mais…


arco-iris-natureza-meteorologia-pintado-por-leal-1015293 O olhar e o ver

Um dia, um mestre espiritual enviou o candidato a discípulo à montanha dizendo-lhe: — Quero que aprendas a escutar a natureza. Ele foi e, passado algum tempo, voltou para dar contas ao mestre do que tinha percebido. Disse: — Mestre, ouvi o piar dos pássaros, o latido do cão, o ruído dos relâmpagos. O mestre disse-lhe: — Não aceito essa resposta. Volta outra vez

Ver mais…


teresinha-desenho A Santa Feia

Padre Camilo fez obras na igreja, que ficou bonita. Apenas destoava uma imagem de Nossa Senhora muito antiga, que era mesmo muito feia. O povo até lhe chamava-a Nossa Senhora Feia. Pensou em comprar uma nova para a substituir, mas o povo opôs-se, porque aquela era a imagem diante da qual rezaram os seus antepassados. Pensou em contratar um pintor para que a tornasse

Ver mais…


urso O Urso Mário

Numa pequena casa no cimo de um monte, um pouco afastada da aldeia, vivia uma família de ursos. Era constituída por Ursão, o pai-urso, Ursolina, a mãe-ursa, e por três ursinhos chamados Úrsula, Úrsica e Ursino. Certo dia, os papás-ursos souberam que ia haver um concurso de dança para ursos na cidade mais próxima. Ursão e Ursolina não queriam faltar, pois eram uns dançarinos

Ver mais…


semente3 As sementes

Duas sementes estavam lado a lado, enterradas no solo de um terreno fértil. Dizia a primeira: — Eu quero crescer! Quero estender as minhas raízes para me manter de pé, e elevar os meus rebentos furando a negra terra até ver a luz do sol de Primavera. Quero depois elevar-me cada vez mais alta, desfraldando ao vento as folhas verdes e fazendo brotar as flores,

Ver mais…