Warning: Missing argument 2 for wpdb::prepare(), called in /home/historia/public_html/wp-content/plugins/fast-wordpress-search/fwp-search.php on line 419 and defined in /home/historia/public_html/wp-includes/wp-db.php on line 1154

livros de historia infantil online gratis

Você está a ver contos para meninos , contos e histórias e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa livros de historia infantil online gratis. Encontre as melhores soluções de histórias para ler.



Desenho da Árvore com Maças


Os Ilustres Os Ilustres

Um jovem rei encarregou uma equipa de sábios de escrever uma História dos Homens ilustres do Reino. Estes lançaram-se ao trabalho com afinco, investigando nas bibliotecas do reino. Ao final de muitos anos, apresentaram ao rei um conjunto de quarenta volumes. Mas o rei já estava com sessenta anos. Não teria tempo para ler tantos livros. Pediu-lhes então o seguinte: — Por favor, reduzam

Ver mais…


amigos Os Bons Amigos

Era uma vez um adolescente que, embora fosse muito estudioso, era gozado pelos seus companheiros. Chamavam-lhe nomes e chegavam a agredi-lo. Andava muito triste e até chegou a pensar no suicídio. Um dia em que foi insultado e estava no chão, com os óculos para um lado e os livros para o outro, apareceu um outro rapaz que lhe deu o que ele nesse

Ver mais…


conta_historia O concurso

Uma vez, fez-se um concurso na escola infantil para ver quem era a criança mais carinhosa. Apresentaram-se muitas concorrentes. Uma delas, diante do júri, disse: — Eu ajudei um velhinho a atravessar a rua. Uma outra contou: Todos os dias, ao chegar da escola, dou um beijo à minha mãe. Uma outra relatou: — Um dia, o meu irmãozinho feriu-se e eu fiz-lhe o

Ver mais…


gaivota A Gaivota que não queria ser

Era uma vez uma gaivota que gostava de ser pomba. Dizia ela que as gaivotas não servem para nada, ao passo que as pombas sempre servem para alguma coisa. – Levam cartas, mensagens, avisos de um lado para o outro – explicava ela às outras gaivotas. – São as pombas ou os pombos-correios. – Também há quem as cozinhe com ervilhas – interrompeu-a uma

Ver mais…


garotas-brincando Diário: Uma nova amizade

Era uma vez, uma menina chamada Isa. Todos os dias, ao acordar ia à janela respirar ar puro, “nada melhor do que respirar numa manhã tão linda como esta” – dizia sorridente. – Isa! Vem tomar o pequeno-almoço!- dizia a mãe apressada,pois tinha de ir logo de manhãzinha à padaria, buscar pão quentinho e fresquinho. Quando a Isa, terminou o pequeno-almoço, foi buscar a

Ver mais…


3deb63e3271b0cd63ef6f158c3aae3ae O sentido da vida

Um grande filósofo reflectia, dia após dia, acerca do sentido da vida. Tinha dedicado os melhores anos da sua vida à solução deste enigma. Tinha consultado os maiores sábios da humanidade. Tinha enchido a sua biblioteca com os livros dos maiores pensadores. Tinha lido muitas teorias acerca do assunto. Mas os anos iam passando e ele não encontrava uma resposta satisfatória a esta questão.

Ver mais…


tararira-02.jpg_1398818830 Os Olhos

Uma jovem mãe, na cozinha, preparava o jantar com a mente totalmente concentrada no que estava a fazer: preparar as batatas fritas. Estava a trabalhar com afinco precisamente para preparar um prato que as crianças apreciam muito. As batatas fritas eram o prato preferido dos seus filhos. A criança mais pequena, de quatro anos, tinha tido um intenso dia na escola infantil e contava

Ver mais…


estudando-menino_ler O estudo

Um velho chinês, rico mas analfabeto, tinha às suas ordens um músico cego. Disse ao seu empregado: — Já tenho setenta e três anos e continuo analfabeto. Poderia começar a estudar mas já é demasiado tarde. O músico sugeriu-lhe: — Por que não acende uma vela? Sem perceber o que o empregado músico queria dizer, o velho chinês, aborrecido, respondeu: — Como é que

Ver mais…


musica6 A Expêriencia

Era uma vez um homem que, tendo passado umas lerias em Viena de Áustria, aproveitou o tempo para escutar concertos musicais, ficando verdadeiramente encantado. Ao chegar à sua terra, decidiu formar uma orquestra musical, um pouco ao estilo das que tinha visto em Viena. Ele próprio decidiu ser o director de orquestra. Para se preparar, leu muitos livros e escutou muitas conferências. Encheu a

Ver mais…