Warning: Missing argument 2 for wpdb::prepare(), called in /home/historia/public_html/wp-content/plugins/fast-wordpress-search/fwp-search.php on line 419 and defined in /home/historia/public_html/wp-includes/wp-db.php on line 1154

maria padilha da estrada

Você está a ver contos e fábulas para meninos , contos e fábulas para meninos e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa maria padilha da estrada. Encontre as melhores soluções de histórias para ler.



bolacha maria Bolacha Maria

Era uma vez uma bolacha Maria que disse que Maria, só Maria, não chegava. Queria ser, ao menos, Maria Emília. Bolacha Dona Maria Emília, com todo o respeito. As outras companheiras do pacote fizeram-lhe a vontade. Mas, quando uma bolacha Maria começa com exigências, oh! Oh! Nunca mais pára… — Pensando melhor, não dispenso os apelidos. Quero passar a ser tratada por Dona Maria

Ver mais…


run A Pressa

Uma vez, um Mestre de sabedoria olhou para a rua e viu um dos seus alunos a andar muito apressado, de um lado para o outro. Chamou-o e perguntou-lhe: — Haikel, já paraste hoje um momento esta manhã para olhar para o céu? Ele respondeu: — Não, Mestre. Continuou: — E já viste a estrada esta manhã? — Sim, Mestre. — E que vistes

Ver mais…


Maria papoila Maria Papoila

Nos campos sem fim semeados de trigo havia um casebre e nele morava Maria Papoila. Era uma boa moça, amiga de toda a gente, com duas rosetas na cara, vermelhas como duas papoilas. De manhã à noitinha trabalhava curvada para a terra, alegremente cantava e assim ia passando a sua vida sem história. Até que certo dia lhe bateu à porta um criado real.

Ver mais…


ARVORE A LINDA FOLHINHA DE OUTONO

Era uma vez uma folhinha que nasceu num dia ensolarado de Primavera, era a folhinha mais verdinha e bonita de um velho diospireiro, vivia presa num ramo da árvore com as suas irmãzinhas. Todos os dias a folhinha brincava com as suas irmãzinhas presas no ramo do velho diospireiro, bailavam ao sabor da brisa do vento e gargalhavam pela vida feliz que tinham. O

Ver mais…


musicos bremen Os Musicos de Bremem

Era uma vez um burro que durante muitos anos tinha trabalhado para um moleiro, transportando pesados sacos de grão. Mas agora já estava velho e sem força. O seu patrão, pensando que o burro já não sevia para nada, nunca mais lhe deu de comer. O burro que não queria morrer à fome resolveu fugir. “Vor para Bremen, a cidade dos músicos!”, pensou. “Já

Ver mais…


Genio Hoje é seu dia de sorte!

Hoje é o seu dia de sorte! Conta-se que, em Bagdá, os invejosos murmuravam: Por que Aladim julga ser melhor do que nós? Ele é rico, casou-se com a filha do sultão, tem uma lâmpada maravilhosa… Pura sorte! Até os ministros conspiravam: -Eu também, se tivesse um génio a me servir… Ora, Aladim resolveu fazer uma experiência e chamou o sultão e o grão-vizir

Ver mais…


velho menino burro O Velho o Menino e o Burro

Num lugar que você sabe este fato aconteceu. As pessoas que eu descrevo, você talvez conheceu. E se você não se lembra, procure na consciência. Porque se houver semelhança, não é mera coincidência. O burrico vinha trotando pela estrada. De um lado vinha o velho, puxando o cabresto. Do outro vinha o menino, contente, que o dia estava fresquinho e o sol brilhava no

Ver mais…


panela A Panela de Ferro e a Panela de Barro

Panela de ferro propôs à de barro Que juntas fizessem pequena excursão; Mas esta escusou-se, julgando prudente Ficar no seu posto, juntinho ao fogão. “Um toque (diz ela) reduz a pedaços Meu todo argiloso, tão frágil e inerme; No entanto, a senhora não teme os embates, Pois é protegida de rija epiderme.” PANELA DE FERRO “Prometo-te amparo; irei afastando Os corpos que danos te

Ver mais…


truck-wallpaper_1920x1080_83671 Quando o Luís se escondeu no camião

O pai do Luís possuía um grande camião, com o qual percorria todo o país, transportando cargas gigantescas. Algumas vezes ele levava também o Luís. Punha o rapazinho na cabine do condutor, sentado ao seu lado. Que alegria, cada vez que isso acontecia! Um dia, ao ver o pai preparar se para partir, o Luís perguntou se também podia ir. “Papá, por favor deixa

Ver mais…


MARTELO2 O Julgamento

Depois de uma vida simples, uma mulher morreu e encontrou-se a fazer parte de uma fila enorme de pessoas que desejavam entrar no Paraíso. A medida que se aproximava da porta, ia ouvindo mais claramente as palavras do Senhor. A um disse: — Tu socorreste-me quando estava ferido na estrada e levaste-me ao hospital. Entra no Paraíso. Disse a outro. — Tu fizeste um

Ver mais…