Warning: Missing argument 2 for wpdb::prepare(), called in /home/historia/public_html/wp-content/plugins/fast-wordpress-search/fwp-search.php on line 210 and defined in /home/historia/public_html/wp-includes/wp-db.php on line 992

Me de um elogio com a primeira letra do seu nome j

Está a visualizar Contos para dormir, Histórias para crianças, e/ou outras publicações relacionadas com a sua pesquisa por Me de um elogio com a primeira letra do seu nome j. Descubra os textos mais populares escritos em português.






As vogais também falam

Vou contar-vos a história das vogais. Na terra das letras existiam cinco letrinhas muito vaidosas que se chamavam vogais. Elas eram o A, o E, o I, o O, e o U. Ah, mas não me posso esquecer da Laura. A Laura era uma menina que andava a estudar as vogais e que as levava consigo de casa para a escola e da escola
Ler mais »


Aquela palavra

Eles eram irmãos. Foram sempre muito amigos desde os primeiros anos. Cresceram na mesma casa e andaram juntos na mesma escola. Quando um precisava de algo de especial, lá estava o outro para o escutar e lhe dar uma palavra de consolação. Chegaram à idade adulta e chegou o tempo de se separarem, cada qual para seu lado. Embora os anos fossem passando, a
Ler mais »


Os Computadores

Era uma vez um homem bom. Morreu e foi bater à porta do Paraíso. Foi atendido por S. Pedro. Utilizou o computador para ver quais os dados referentes à vida deste homem na terra, mas o seu nome não figurava nas listas. Perguntou então a esse homem: — Tu foste baptizado? — Não. — Então não eras cristão. Aqui não há lugar para ti.
Ler mais »


O Gosto das Bruxas

Era uma vez uma menina que estava presa na torre mais alta de um castelo. Ela era uma princesa, mas não lhe valia de nada, porque perdera os seus pais e o reino, numa guerra que o dono do castelo, já se vê, é que ganhara. Ainda era o tempo das fadas. Por isso a menina disse, para que as paredes ouvissem: — Se
Ler mais »


As recordações

Realizou-se um encontro de Antigos Alunos da Faculdade. Quando chegou o momento de recordarem episódios do passado que jamais esquecerão, um deles contou o seguinte: Durante o meu primeiro ano da Faculdade, um nosso professor deu-nos um questionário. Eu era bom aluno e respondi rapidamente a todas as questões até chegar à última. Perguntava assim: – Qual é o primeiro nome da mulher que
Ler mais »


As Senhoras de Mantinha de Seda

Havia uma viúva que tinha um filho muito aparvalhado. Um dia diz-lhe a mãe: – Vai à cidade, leva esta barranha de mel, vende-a e traz-me o dinheiro. O rapaz agarrou na barranha de mel e dirigiu-se à cidade. Pelo caminho viu-se perseguido por muitas coisas e falando nervosamente, para elas, dizia-lhes: – Se as senhoras querem comprar mel fazemos negócio, mas não me
Ler mais »


O Desconhecido

Uma vez, um criminoso acabado de sair da prisão, vagueava pelas ruas à procura de abrigo. Foi bater à porta de um albergue mas não lhe abriram a porta, dizendo que já não havia lugar. Cheio de fome e de frio, foi deitar-se na soleira da porta de uma casa. Mas veio o dono e atiçou-lhe o cão. Entretanto, fez-se noite. Vendo uma grande
Ler mais »


O doentinho que se tornou um bom amigo

Peter, o nosso fiel cão de guarda, dava uma quantidade de saltos entre a erva alta da estepe africana. De repente, estacou a farejar. Então, olhou para trás e ganiu baixinho. A minha filhita Suzi e eu, dávamos nesse dia um passeio de exploração. Pelo menos era esse o nome que a família lhe dava. O cão estava todo entusiasmado. A Suzi apressou-se a
Ler mais »


Os Pais Separados

Uma dia, o professor convocou o pai e a mãe do Duarte para uma reunião acerca do insucesso escolar do seu filho. Os pais viviam separados e, por conseguinte, nem um nem outro sabiam que se iriam encontrar. Duarte fora sempre um aluno feliz, cooperante. Por isso, o professor interrogava-se: «Como irei convencer estes pais separados, a pensar no divórcio, que este mau aproveitamento
Ler mais »


Chanfrisco, o Pinto Careca

Chanfrisco era o nome daquele pintainho careca, do qual a minha avó costumava contar a sua história. Com apenas três dias e algumas horas, Chanfrisco era um pintainho diferente de todos os seus irmãos. Era aventureiro e desobediente às ordens da sua querida mãe. Esta tinha por hábito, todos os dias de manhãzinha, ir dar uma volta pela quinta, à procura de alguns bichitos
Ler mais »



~ Search results for "me de um elogio com a primeira letra do seu nome j" | Historias e Contos Infantis ~