Warning: Missing argument 2 for wpdb::prepare(), called in /home/historia/public_html/wp-content/plugins/fast-wordpress-search/fwp-search.php on line 419 and defined in /home/historia/public_html/wp-includes/wp-db.php on line 1154

molduras de amor para 2 pessoas

Você está a ver contos e histórias , contos e fábulas para meninos e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa molduras de amor para 2 pessoas. Encontre as melhores soluções de histórias para ler.



buque-de-flor-18_47182 O ramo de flores

A velhinha, de rosto sereno e tranquilo, desde que morrera o seu marido, passou a viver numa residência para idosos. Não tinha nenhum parente com quem pudesse viver. As pessoas constatavam que, na época do Natal, aquela mulher recebia sempre uma encomenda e um ramo de flores. Abria-a com alegria diante das colegas e dizia sempre estas palavras: — Estais a ver? Ele mais

Ver mais…


0567525df4578128433bf07f287ebabe O Balão

Um dia, Deus enviou para a terra um grande balão onde cabiam muitas pessoas. E disse: — Todos os que me quiserem ver, entrem no balão que ele subirá até mim. Em breve, o balão se encheu completamente. Mas, por mais tentativas que se fizessem, o balão não se elevava aos céus. Saíram várias pessoas para ficar mais leve, mas nem mesmo assim subia.

Ver mais…


rei_1 O melhor e o pior

O rei chamou um dos seus criados e disse-lhe: — Vai por todas as cidades e aldeias do meu reino e traz-me a coisa melhor que encontrares. Pouco tempo depois, o criado regressava com uma língua numa bandeja. E disse ao rei: — Majestade, a língua é a melhor coisa. Com ela os crentes louvam a Deus, os namorados falam de amor, os educadores

Ver mais…


4b7bbb69722937495869a08f9cb299ab A Madeira

Uma vez, um lenhador pegou no machado e foi ao bosque com a intenção de cortar uma árvore. Aproximou-se de uma grande e esbelta árvore e abateu-a cruelmente. Depois de ter caído ao chão, cortou-lhes os ramos. Depois levou-a para casa. Ao chegar, perguntou-lhe: — O que gostarias que eu fizesse de ti? A árvore, a chorar a sua desdita, respondeu: — Já que

Ver mais…


janela-desenhos-dos-utentes-pintado-por-mina-menin-1032664 A janela

Um homem desesperava do amor de Deus. Um dia, enquanto vagueava pelas colinas que rodeavam a cidade, encontrou um pastor. Este, vendo-o aflito, perguntou-lhe. — Por que é que andas assim tão perturbado, amigo? — Sinto-me imensamente só. — Também eu ando só, mas não estou triste. — Talvez porque Deus te faz companhia! — Adivinhaste. — Eu, pelo contrário, não tenho a companhia

Ver mais…


A Lepra A Lepra

Carlos há algum tempo que via o aparecimento de estranhas manchas na pele. Decidiu então consultar o seu médico, que o mandou fazer análises. Levou-as ao médico, ansioso por saber os resultados. Apesar da sua ansiedade, pediu ao médico que lhe dissesse toda a verdade. O doutor explicou-lhe: — O senhor tem aquilo que já suspeitava. Está leproso. O homem segura as mãos do

Ver mais…


reporter-oculta-passa-por-agencia-de-encontros-e-conta-tudo-1272915033447_615x300 O encontro

Um jovem desejava encontrar-se com Deus. Um dia, ouviu no seu íntimo um convite: — Vai ao entardecer ao alto da montanha e eu, Deus, aí estarei. Logo de manhã muito cedo, pôs-se a caminho pois o trajecto era longo. Ao passar por um vale. viu vários camponeses a apagar um fogo. Ao verem o jovem, suplicaram-lhe: — Vem ajudar-nos a apagar o incêndio.

Ver mais…


A TEMPESTADE DE NEVE A Tempestade De Neve

O aviador francês Guillaumet sobrevoava, em 1925, a Cordilheira dos Andes quando foi atingido por uma violenta trempestade de neve. Sem condições para continuar o voo num avião tão frágil, aterrou de emergência sobre o gelo e a neve. E agora? Se ficasse parado, os membros ficariam enregelados e acabaria por morrer. A melhor solução era começar a andar, enfrentando o vento, a neve

Ver mais…


images (3) As Palavras

Um dia, as palavras aborreceram-se com as pessoas e decidiram fazer greve. Estavam fartas de ninguém as escutar. As pessoas falavam entre si, mas nunca escutavam os o que diziam os outros. E, como é sabido, uma palavra não escutada cai ao chão e parte-se. É costume ver pedaços de palavras por todas as partes: nas famílias, nos grupos de jovens, nos parlamentos, nas

Ver mais…


aranha-na-teia-circular_91-6589 A teia de aranha

Uma vez, uma psicóloga quis fazer uma experiência. Na sala de visitas de sua casa, colocou uma grande teia de aranha. Qualquer pessoa que entrasse, inevitavelmente tinha que a ver. Ela observaria, discretamente, o que diziam. Entraram durante a semana pessoas desconhecidas. A psicóloga foi escutando. Eis algumas das expressões que ouviu dessas pessoas: — Esta mulher deve ser muito distraída. Não vê como

Ver mais…